Redes em Suspensão é uma Residência Artística  que faz parte do encontro entre a artista visual Lena Muniz e a filosofa e performer Carol Marim com o objetivo de aproximar artistas que desenvolvem pesquisas com tecidos, bordado, fotografia, vídeo arte e performance. Para costurar essa rede em suspensão, a performance e a instalacão, constituem-se como principais pontos de encontro entre as artes visuais e as formações das outras 4 artistas: Zilá Muniz, Ana Pi, Pati Peccin e Paula Schlindwein.

Nesse contexto primeira ação de Hip Reliquiarum, a artista busca tratar a memória como um composto orgânico que se transforma criando em rede narrativas sobrepostas. A aglutinação e sustentação de recordações é materializada por colagens cujos suportes são objetos com valor afetivo ou encontrados por acaso, ou ainda adquiridos no comércio popular. Um ecossistema de novas memórias se propõe a partir do gesto de amarrar, suspender e recortar esses compostos orgânicos. Texto e curadoria do Hip Reliquiarium é de Pedro MC

Memorial Meyer Filho, Florianópolis, SC / 08 e 09 de setembro de 2016.

 

1

Paula Schlindwein.

Ana Pi

Paula Schlindwein

Paula Schlindwein e Lena Muniz

Ana Pi

Zilá Muniz

Carol Marim